Windows versus Linux: Guerra dos S.O.

Linux VS. Windows
Linux VS. Windows

Este é um assunto muito badalado não só aqui na internet e no blog, mas na vida real como em minha faculdade e escolas. Os nerds batalham sem descansar.

Windows versus Linux: a batalha pelo seu desktop

Com o lançamento da primeira versão beta do Windows 7, o sentimento que está no ar é que a Microsoft finalmente criou o Windows que estava prometido há tempos. Eles tinham poucas escolhas: a reação pública e profissional ao Vista e a pressão por dispositivos de tecnologia de baixo custo com o Linux, significava que eles tinham de agir rápido.

Há um debate acalorado no ar sobre o que há de significar o 7 tanto para o Windows quanto para o Linux. O último suspiro da Microsoft? Um novo inimigo de peso para o Linux? Uma inspeção detalhada nos mostra que não se trata de nenhuma dessas opções.

O Linux traçou seus próprios caminhos no desktop e tornou possível construir netbooks a um custo baixo – e enquanto o Windows 7 vai quase certamente abocanhar uma parte deste mercado e impressionar os usuários Windows existentes ainda mais, o Linux se torna seu próprio propulsor.

Neste especial analiso como o Windows 7 e o desktop Linux se formam um contra o outro, principalmente sob a luz do que veio antes em ambos os lados. Não se trata de uma revisão formal. Em primeiro lugar, o Windows 7 não será lançado até o fim do ano. Em segundo, o objetivo aqui não é premiar a nova versão do sistema operacional da Microsoft tampouco o Linux. Este é um exercício que os dois são comparados lado a lado, para ver o que cada um faz.

Instalação

Uma vez que as pessoas tipicamente compram o Windows já instalado no computador, elas não têm que lidar com o processo de instalar o sistema operacional. O mesmo serve para máquinas que vem com Linux pré-instalado. Entretanto, os que estão testando a versão beta do Win 7 – e o que instalam o Linux em um sistema existente – têm de passar pelo processo de instalação de alguma forma.

O processo de instalação do Windows 7 deve ser familiar para qualquer pessoa que tenha instalado o Vista: é significativamente mais rápido que instalar o XP e requer menos escolhas de instalação pelo caminho.

O Windows 7 ainda insiste muito em ser o primeiro sistema operacional no sistema. Se você quer criar um boot dual, é preciso que você instale alguma versão do Windows primeiro, depois o Linux. Caso não faça dessa forma, você terá que reparar um ou outro sistema operacional para que se consiga o boot.

Algo que o Windows conseguiu adicionar ao passar do tempo foi um melhor suporte de ambiente pré-boot. Você pode fazer o boot do DVD de instalação e ter um console de comando para administrar funções de administração, incluindo um sistema completo de image recovery (desde que você tenha feito um no começo).

Instalar o Linux costumava ser complicado, mas o processo se tornou mais fácil. O Ubuntu  até te dá a opção de rodar direto em uma partição Windows (característica “Wubi”) com somente um hit de desempenho menor. Outra mudança positiva é como o “nível de hit” para a detecção de hardware foi feito com lançamento sucessivo. Agora estou no ponto onde um de meus notebooks tem todos de seus variados componentes detectados nativamente no Linux e não requer tinkering para funcionar.

Outro assunto que o Linux continua a oferecer neste aspecto – e o que o Windows parece continuar incapaz de oferecer devido suas limitações de arquitetura – é o CD ou drive USB. Faça o boot e você estará numa cópia completa do sistema operacional, com a maior hindrance sendo a velocidade de transferência da mídia de boot.

Este tipo de coisa somente é possível no Windows com muita acrobacia; no Linux, é tão natural quanto respirar.

Microsoft Vs. Linux
Microsoft Vs. Linux

Quem vai vencer a batalha? Por que e como? Descubra agora! Vamos apenas ter um olhar para as maiores diferenças entre Windows e Linux. Fonte O Windows tem um código fechado, ou seja, ninguém será capaz de ler o código fonte, ou ajustá-lo, a menos que a pessoa estaria trabalhando para a Microsoft.

MSLinux
MSLinux

Quem vai vencer a batalha? Por que e como? Descubra agora!

Vamos apenas ter um olhar para as maiores diferenças entre Windows e Linux.

Fonte

O Windows tem um código fechado, ou seja, ninguém será capaz de ler o código fonte, ou ajustá-lo, a menos que a pessoa estaria trabalhando para a Microsoft. Linux é executado por tantas pessoas, que realmente não há nenhuma maneira para Linux para que nunca morrem. Uma vez que alguém pára de funcionar em Linux, o conceito de fonte aberta permite que outra pessoa a assumir a idéia e continuar trabalhando nele. Windows não tem isso.

Gols

Linux é objetivo é proporcionar um clima estável, rápido, e mais importante de todos – sistema operacional livre. Isto já é muito atraente porque a palavra “livre” é mágica para muita gente. Por que pagar algumas centenas de dólares se você pode obter um sistema operacional de graça? Isto é simples. Todo mundo tem seu trabalho em um computador com Windows, e não acho que eles vão ser capazes de continuar o seu trabalho em outro sistema operacional.
O objetivo da Microsoft é, basicamente, para ganhar dinheiro. Claro que vai dizer o contrário, mas todos nós sabemos que ganhar dinheiro é um dos seus principais objetivos.

Problemas?

Há um monte de problemas quando se trata de Windows, mas certamente também para o Linux. Agora mesmo, o Linux não tem muitos adeptos grande. Não muitos vendedores fazem drivers para Linux. Em outras palavras, o Linux não suporta tanto hardware quanto o Windows.

Conclusão

A batalha vai durar muito tempo. A comunidade Linux está crescendo como nós falamos, mais e mais vendedores criar drivers para Linux, e ao desenvolvimento do Linux e suas distribuições, continuar a cada dia. Linux está começando a se tornar rico em recursos, funcional, e um concorrente real para a Microsoft.
A Microsoft está fazendo muito bem – já rich, funcional, e apoiada pela maioria das grandes empresas – Windows nunca vai estar em apuros – as pessoas vão sempre continuar a usar o Windows. Ele vai levar um tempo até que vemos uma grande diferença, pois realmente – Microsoft não vai parar, e Linux não está pensando em parar qualquer um.

Windows Vs. Linux - Libra
Windows Vs. Linux - Libra

Bignadaquasar, onde nada é cósmico e nada é Virtual War.

Por Akanadin.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s