Crítica: Thor

Todos saudem o poderoso Thor, deus do trovão e filho de Odin…

Thor

Thor

Antes de mais nada, eu quero dizer que Thor é o melhor filme do ano até o presente momento, como eu já esperava. Thor é um grande filme de super-herói e um grande filme sobre um deus nórdico em nosso mundo. O filme é contido demais. Thor é um longa totalmente diferente de Homem de Ferro. Para começar, Homem de Ferro é um filme sobre ficção científica e Thor é um filme sobre fantasia. Falando nisso, uma das sacadas do filme é um conceito dos quadrinhos da Marvel: “Magia é apenas a ciência que ainda não entendemos”. Essa foi uma frase que eu vi o Homem de Ferro dizer nos quadrinhos e no filme isso é um das principais tramas.

Thor - The Son of Odin

Thor - The Son of Odin

Sobre o elenco, o ator que interpreta o Thor fez um excelente trabalho. Destaque para Loki que está excelente e é um excelente vilão. Aliáis, eu tenho que dizer que o ator que interpreta o Loki seria um Ozzymandias muitas vezes melhor que aquele visto no filme Watchmen. Odin, Sif, Heimdall e os demais deuses e personagens de Asgard estão muito bem representados. Falando em Asgard, não há como negar que Asgard ficou impressionante no cinema. Thor era na minha opinião o maior desafio da Marvel Studios para ser transportado para cinema e não tem nenhum reclamação da adaptação.

Thor - The God of Thunder

Thor - The God of Thunder

Falando francamente, Thor é um filme controverso. Como eu disse antes, é um filme totalmente diferente de Homem de Ferro. O filme é contido e lento. Tem muito drama no longa, o que é um ponto altamente positivo. Thor é trabalhado psicologicamente de forma muito eficiente. Ao contrário do que muito foi dito na internet, não achei o amadurecimento do personagem corrido ou forçado. Não vou negar que o filme podia ser melhor e apronfundar em mais alguns pontos, mas não achei que ficou devendo. Em minha opinião, faltou mais porrada no filme. Poderia haver mais ação no longa, mas acho que veremos esse aspecto do Thor ser melhor usado em Avengers. Pode ser impressão minha, mas essa sensação de falta de ação pode ter sido proposital. A primeira sequência de ação do filme com o Thor é sensacional. Ao final do filme temos um Thor mais maduro e sábio, não um brigão arrogante do começo do filme e isso não é spoiler, é um conceito básico do personagem. XD

Thor - Marvel Studios

Thor - Marvel Studios

Mesmo faltando mais “porrada seca” no filme, os efeitos especiais são de primeira. Falando mais uma vez de Asgard em si, a Marvel Studios está de parabéns, pois as paisagens de Asgard são de arrepiar. Os efeitos especiais do Thor estão perfeitos também. Sem me alongar mais, basta dizer que a parte técnica do filme está impecável.

Thor - The Movie

Thor - The Movie

Em suma, Thor é um grande filme. Não é uma revolução cinematográfica e como eu sempre digo nem deveria ser. Obrigatório para todos os fãs de Marvel Comics. Para as pessoas normais, não há o que temer. Obviamente, fique até o final dos créditos para ter uma grande surpresa. Thor é um filme lento. Eu não sei o que esperar do público em geral sobre o filme. Não vou me surpreender se eu encontrar muitas pessoas que acharam este filme mediano ou mesmo ruim. Não será um filme que agradará a todos… Ou não. É um filme honesto. Não é um filme estúpido e idiota para ser odiado. Nem é um filme entediante. Ele é lento, mas em nenhum momento chega a ser um filme entendiante. É um filmão. Controverso, mas ainda sim um filmão.

Nota 10 para Thor. Feijoada Asgardiana.

Feijoada Asgardiana do Trovão

Feijoada Asgardiana do Trovão

Abaixo, leia a crítica dos filmes que juntos formarão The Avengers:

Crítica – Iron Man:

https://bignadaquasar.wordpress.com/2011/07/28/critica-homem-de-ferro-iron-man/

Crítica – The Incredible Hulk:

https://bignadaquasar.wordpress.com/2011/07/28/critica-o-incrivel-hulk-the-incredible-hulk/

Crítica – Iron Man 2:

https://bignadaquasar.wordpress.com/2010/05/02/critica-homem-de-ferro-2/

Que venha Capitão América – O Primeiro Vingador (Captain America – The First Avenger).

Critica – Captain America – The First Avenger:

https://bignadaquasar.wordpress.com/2011/07/30/critica-capitao-america-o-primeiro-vingador-captain-america-the-first-avenger/

BignadaQuasar, onde nada é cósmico e nada é Thor.

Por Akanadin.

8 thoughts on “Crítica: Thor

  1. Concordo, Thor é um grande filme, que poderia ser ainda maior. A parte mitológica foi bem pesquisada e colocada num clima adequado, a maioria dos atores são bons (agora, botar o Anthony Hopkins no papel de Odin foi covardia, rsss… Perto dele, até bons atores ficam parecendo amadores). Kenneth Branagh é um grande diretor! Agora, os produtores poderiam ter nos poupado da obsessão do politicamente correto: escalar um ator negro para o papel de Heimdall e um oriental para o de Hogun foi forçado!… Estou escrevendo um post sobre o filme para o meu blog também, talvez só publique em junho, mas ficaria honrado com sua visita e comentários nos outros posts até lá. Abraços, curti muito o blog!

  2. Pingback: Crítica: Homem de Ferro (Iron Man) « BignadaQuasar

  3. Pingback: Crítica: O Incrível Hulk (The Incredible Hulk) « BignadaQuasar

  4. Pingback: Crítica: O Incrível Hulk (The Incredible Hulk) « BignadaQuasar

  5. Pingback: Crítica: Homem de Ferro 2 « BignadaQuasar

  6. Pingback: Crítica: Capitão América – O Primeiro Vingador (Captain America – The First Avenger) « BignadaQuasar

  7. Pingback: ESPECIAL 10 ANOS DE MCU: Todas os Reviews dos Filmes da Marvel Studios do Bignada – Mundo Bignada

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s