REVIEW: Homem-Aranha: Longe de Casa (2019)

Spider-Man Eurotrip.

Homem-Aranha – Longe de Casa (2019)

E aqui o review em texto do filme Homem-Aranha: Longe de Casa (Spider-Man: Far From Home),o último filme da Fase 3 e Saga do Infinito da Marvel Studios.

Em Homem-Aranha: Longe de Casa, Peter Parker está em uma viagem de duas semanas pela Europa, ao lado de seus amigos de colégio, quando é surpreendido pela visita de Nick Fury. Convocado para mais uma missão heroica, ele precisa enfrentar vários vilões que surgem em cidades-símbolo do continente, como Londres, Paris e Veneza, e também a aparição do enigmático Mysterio.

O filme é mais divertido que o anterior, que era mais focado nos dramas do colégio do Peter Parker. Há um clima maior de aventura, sendo um grande Eurotrip do Homem-Aranha. Os personagens passam por diversos países e cidades, então é um filme mais dinâmico.

Além disso, o filme é mais pesado em legações e referências ao MCU, principalmente Vingadores: Ultimato (The Avengers: Endgame) e os filmes do Homem de Ferro e já deixa ganchos fantásticos para o futuro numa das melhores cenas pós-créditos do MCU. Fique até o final dos créditos, pois é importante. A primeira cena é a mais impactante.

Homem-Aranha - De Volta ao Lar (2019)
Homem-Aranha – De Volta ao Lar (2019)

Em termos de direção o filme não tem nada de especial até o meio, ele brilha mais na reta final. A trilha sonora se mantém similar a do Homecoming. O que brilha o filme inteiro são as atuações de todos os personagens, tanto os protagonistas quanto os coadjuvantes. O filme tem um timming de humor muito bom.

O casal principal funciona muito bem, apesar deles começarem a interagir de verdade só ali pela metade do filme. Ansioso para ver como será tratado em filmes posteriores.

Em especial há algumas das cenas mais espetaculares de todas as da franquia Homem-Aranha. Uma envolve o Mysterio em uma demonstração tensa e psicodélica do poder do vilão de uma forma que nem nos quadrinhos foi levado até esse extremo. Outra é a sequência final de ação com o próprio Homem-Aranha onde vemos pela primeira vez o Aranha numa demostração plena de um de seus principais poderes e, devo dizer, é a cena mais bad-ass do Aranha do cinema de todas.

Spider-Man: Far From Home
Spider-Man: Far From Home (2019)

Elegendo um defeito, o que mais me incomodou foi um excesso de didatismo em algumas cenas, principalmente ali no meio. Acaba sendo necessário devido a percepção da indústria com relação ao público em geral que acaba realmente precisando de um pouco mais de explicações do que acontece, mas mesmo assim podiam ter reduzido essas cenas.

Em suma, Homem-Aranha: Longe de Casa é um excelente filme e um dos melhores filmes do Homem-Aranha. Perde um pequeno pontinho pelo excesso de didatismo numas cenas, mas essa atual antologia do Aranha caminha num ritmo gradual de se tornar a melhor de todas a do Aranha.

REVIEW POCKET:

Positivo:

-Boas atuações

-Ótimas cenas de ação

-Bons efeitos visuais

-Cenas Pós-Créditos

-Ótimo vilão.

-Peter e MJ

-Ligações com o MCU

Negativo:

-Excesso de explicações

NOTA

9,9

Agora esperar para ver a Fase 4 da Marvel Studios começar para valer.

Mundo Bignada, onde nada é um novo mundo e nada é Homem-Aranha: Longe de Casa (2019): Review.

Por Bruno Akanadin.

Anúncios

One comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s